PARA MÉDICOS PARA PACIENTES
Central de Atendimento: 71 4020.2322 RESULTADOS ORÇAMENTOS COVID 19

Publicado em: 17 de julho de 2015

Cárdio Pulmonar faz parceria com Vitalmed para otimizar atendimento pré-hospitalar

Promover a integração entre as equipes de atendimento pré-hospitalar e da emergência do Hospital Cárdio Pulmonar, garantindo maior precisão e qualidade desde o primeiro atendimento. Esse é o principal objetivo do “Fluxo Integrado CP–Vitalmed”, que será implantado em agosto pelo CP em parceria com a principal empresa de serviço de atendimento pré-hospitalar a emergências e urgências médicas.

A etapa final para implantação do programa foi realizada com o encontro “Abordagem inicial das síndromes cardíacas e neurológicas agudas”, no auditório do Edifício Suarez Trade, no último sábado (11). O coordenador do Serviço de Medicina Cardiovascular e gestor de Prática Médica, o cardiologista Eduardo Darzé, e o coordenador do Serviço de Neurologia, Murilo Souza, conduziram o treinamento para médicos da Vitalmed que atuam no atendimento pré-hospitalar (APH).

O CP possui diversos protocolos implantados que determinam condutas de atenção para pacientes vítimas de Acidente Vascular Cerebral (AVC) e infarto. Como destacam os especialistas, esses procedimentos garantem excelentes resultados na preservação da vida e redução das sequelas. No entanto, eles chamam a atenção para a criticidade do fator tempo, fundamental no primeiro atendimento a esses pacientes.

“Percebemos que 30% dos pacientes com infarto chegam à unidade com mais de 12h do início dos sintomas. Por conta desse atraso, a maior parte do dano ao coração aconteceu, o que torna fútil a abertura da artéria obstruída. O atraso está relacionado à demora no reconhecimento dos sintomas e no encaminhamento do paciente ao hospital”, explica dr. Eduardo Darzé, que, no encontro falou sobre “Reconhecimento eletrocardiográfico pré-hospitalar das síndromes isquêmicas e arrítmicas”.

Em relação ao AVC, o quadro ainda é mais dramático. “Mais de 50% dos casos chegam ao hospital com duração de sintomas superior a seis horas, comprometendo toda a cadeia de tratamento e aumentando as chances de morte e de sequela neurológica”, esclarece dr. Murilo Souza, que abordou “Síndromes Neurológicas Agudas: AVC, crise epiléptica e alterações agudas de consciência”.

Fluxo Integrado

Para a implantação do fluxo integrado foram realizados treinamentos com os médicos reguladores da Vitalmed e com os médicos, recepcionistas, técnicos de enfermagem e enfermeiros do hospital. O Cárdio Pulmonar vai disponibilizar uma hotline exclusiva, através da qual os médicos da Vitalmed poderão entrar em contato direto com a emergência do hospital.

Após aplicação de um questionário rápido e padronizado, uma enfermeira de triagem definirá sobre a necessidade de remoção do paciente para o hospital. “É a enfermeira do hospital juntamente com o médico da Vitalmed que ficam responsáveis por dar início ao nosso procedimento padrão de atendimento às urgências cardíacas e neurológicas, acionando os profissionais que participam das estratégias de tratamento do AVC e do infarto”, completa dr. Eduardo Darzé.

MAIS NOTÍCIAS