PARA MÉDICOS PARA PACIENTES
Central de Contatos: 71 3203.2200 Consultas e Exames: 71 3203.2222 WHATSAPP RESULTADOS DE EXAMES

Publicado em: 25 de novembro de 2019

Hospital Cárdio Pulmonar participa da ação “Troque o Medo por Esperança”

Atividade realizada neste domingo teve como objetivos conscientizar e orientar a população sobre prevenção e sintomas do câncer

Em apoio ao evento “Troque o medo por esperança”, o Hospital Cárdio Pulmonar participou do mutirão de combate ao câncer, prestando orientações sobre a doença através das equipes de medicina respiratória, odontologia, fisioterapia e endocrinologia. Em Salvador, a atividade promovida pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Oncológica (SBCO) foi realizada neste domingo (24), no Parque da Cidade. A ação estava prevista para acontecer em 42 cidades brasileiras.

Em parceria com as secretarias Municipal e Estadual de Saúde, os profissionais do Serviço de Medicina Respiratória do Cárdio Pulmonar prestaram orientações à população sobre a cessação do tabagismo, além identificarem pessoas com risco para o câncer de pulmão e da doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC).

O secretário estadual de Saúde, Fábio Villas Boas, visitou a estação de pulmão e dialogou sobre o rastreamento do câncer com a tomografia de baixa dose.

O time da Oncologia D’Or, que está inaugurando uma unidade dentro do Hospital Cárdio Pulmonar, e de outras instituições oncológicas parceiras também participaram do atendimento médico gratuito para detecção do câncer, fazendo indicação de realização de exames. Além dos atendimentos para possível identificação da doença, foram realizadas atividades educativas para a promoção de saúde e qualidade de vida.

A programação da SBCO incluiu avaliações da cavidade oral, da laringe e da próstata, com realização de toque retal e solicitação de exames para situações suspeitas. A equipe de Odontologia do Cárdio Pulmonar realizou 135 atendimentos e 13 pacientes foram encaminhados pra tratamento de lesões de boca. Nenhuma lesão de câncer foi encontrada.

Os casos de câncer diagnosticados no mutirão foram encaminhados para tratamento no Hospital Aristides Maltez, Hospital da Mulher e Centro Estadual de Oncologia (Cican).

MAIS NOTÍCIAS