Central de Contatos: 71 3203.2200 Geral: 71 3203.2200 Consultas e Exames: 71 3203.2222 Consultas: 71 3203.2222

Cirurgia Cardíaca << voltar

post_incisao2Em um centro cirúrgico aparelhado com os mais modernos recursos e equipamentos para a realização de procedimentos alta complexidade, a equipe de Cirurgia Cardiovascular realiza rotineiramente procedimentos como revascularização miocárdica (colocação de pontes), reparo ou troca das válvulas cardíacas e cirurgias de correção de problemas na aorta e defeitos congênitos. Diferentes técnicas cirúrgicas podem ser empregadas, dentre elas a técnica minimamente invasiva, auxiliada por vídeo e considerada uma das mais modernas. A modalidade foi implementada de forma pioneira na Bahia, em 2009, no Hospital Cárdio Pulmonar.

Avanço na recuperação do paciente

A técnica representa um grande avanço no tempo de recuperação do paciente, com breve retorno às suas atividades rotineiras, além de ser avançado do ponto de vista da estética cirúrgica. Neste procedimento, não é necessária a abertura do osso esterno, deixando de haver fratura óssea. A incisão é feita entre as costelas ou parcial do esterno,   deixando a cicatriz quase imperceptível. Em comparação à técnica convencional, há uma diminuição significativa do tamanho da incisão, que passa de 23 cm para algo entre 4 e 6 cm. No Hospital Cárdio a cirurgia é realizada com o auxílio de imagens de uma microcâmera que obtém uma visão ampliada do coração e com Ecocardiografia realizada na Sala de Cirurgia. Apesar de ser considerada uma técnica revolucionária do ponto de vista da recuperação do paciente, a indicação da cirurgia cardíaca minimamente invasiva, que pode ser usada para tratar casos muito graves, depende de uma avaliação minuciosa que deve ser feita pelo cirurgião. É importante ainda esclarecer que, mesmo indicada para a maioria dos casos, a técnica não minimiza a gravidade das doenças do coração e não reduz os riscos inerentes a uma cirurgia cardíaca.

Indicações:

  • Tratamento cirúrgico das doenças valvares, mitral e aórtica;
  • Doenças coronarianas;
  • Cardiopatias congênitas;
  • Tumores cardíacos.

 

Coordenação: Dr. Wanewman Andrade, CRM 16397